Brasil Blogado » Doenças » Bulimia e anorexia explicação detalhada

Bulimia e anorexia explicação detalhada

A bulimia e anorexia são distúrbios graves que merecem atenção, principalmente na parte psicológica. Saiba no decorrer desta matéria as particularidades de cada doença. Confira!

     

Bulimia e anorexia são doenças distintas que confundem bastante a cabeça de várias pessoas. Muitas delas pensam que se trata da mesma enfermidade. Há um certo preconceito e rejeição pela sociedade em relação a estes distúrbios. São doenças que devem ser vencidas pela força de vontade, caso não haja tal empenho dificilmente o individuo sairá desta situação com vida. Conheça a seguir os principais pontos destas patologias.

Bulimia

O indivíduo exagera na ingestão de alimentos, em seguida provoca vômito colocando tudo que foi ingerido para fora. A ação é uma tentativa de impedir o ganho de peso.

Causas

O problema acomete com frequência adolescentes e jovens adultas. O bulímico geralmente está consciente de que seu padrão não é normal, mas sente medo ou tem algum sentimento de culpa com relação ao comportamento. O distúrbio pode estar relacionado aos seguintes fatores:

  • Genéticos;
  • Psicológicos;
  • Traumáticos;
  • Familiares;
  • Sociais;
  • Culturais;

Sintomas

O sintoma principal é o desequilíbrio psicológico e alimentar, mas o portador também pode apresentar:

.  Sensação de mal-estar;

. Vômito autoinduzido;

. Prática de exercícios físicos em excesso;

Não feche os olhos para quem precisa de sua ajuda.

Créditos da Imagem: http://confissoesdeumafalsacinderela.blogspot.com.br

Tratamento

Para que o portador se trate é preciso paciência, pois haverá rejeição da ideia. Recomenda-se que:

. Frequente grupos de autoajuda;

. Tente manter o controle psicológico;

. Vigie a si mesmo para que não faça como antes;

. Realize um acompanhamento psicológico; 

. Evite ingerir qualquer medicação sem prescrição médica; 

O início do tratamento é realizado com acompanhamento de um psicologo. Nas primeiras sessões o paciente terá ampla visão dos problemas causados pela doença.   Se necessário, o portador deverá tomar medicações e ser internado para que seja observado de perto por especialistas.

Anorexia

A anorexia, assim como a bulimia, é um distúrbio alimentar e psicológico que provoca perda de peso excessivo em pessoas consideradas saudáveis de acordo com idade e altura.

Causas

A pessoa com anorexia tem medo de engordar, não considera seu comportamento errado, se vê sempre acima do peso mesmo estando abaixo. Faz  uso de remédios, exagera nas atividades físicas e utiliza todos os métodos possíveis para emagrecer.  Acompanhe a seguir os principais motivos:

. Busca pela perfeição;

. Preocupação com a estética; 

. Problemas de alimentação desde criança;

. Ideias sociais e culturais relacionados a saúde e beleza;

.  Autoimagem negativa.

. Ansiedade.

 Sintomas

. Pele manchada ou amarelada.

. Pensamento confuso ou lento.

. Depressão.

. Boca seca.

. Sensibilidade ao frio devido a perda de gordura. 

. Perda de resistência óssea, logo dores por meio das mesmas. 

. Desgaste dos músculos e perda excessiva de gordura corporal.

Não se veja distorcida.

Créditos da Imagem: http://nutricaoeassuntosdiversos.blogspot.com.br

Tratamento

O maior desafio é fazer com que reconheça a necessidade de ajuda. O objetivo do tratamento é fazer o doente recuperar o peso ideal através de uma alimentação balanceada e saudável. Voltar gradativamente à sua interação com a sociedade. A relação social, principalmente com pessoas que pessoas que estão ao seu lado, ajudará na recuperação. Mas para chegar a recuperação completa, deve estar ciente que depende apenas de si mesmo e da sua força de vontade.

Para que isso aconteça, é preciso ter o acompanhamento de especialistas na área  de nutrição, psicologia ou psiquiatria e clínico geral. Fora isso, o paciente também deverá fazer acompanhamento em grupos de autoajuda.

Se o caso não for tratado ou se os sintomas persistirem, o portador deve ser internado em uma clínica de reabilitação, caso contrario, se não houver nenhuma intervenção, o indivíduo pode vir a óbito.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?