Brasil Blogado » Variados » Como abrir uma loja de informática

Como abrir uma loja de informática

Quer abrir uma empresa de informática mas não sabe por onde começar? Não perca tempo, acompanhe em detalhes sobre o assunto aqui no Brasil Blogado!

     

Abrir qualquer tipo de negócio é preciso ter em mãos planejamento e investimento. É necessário saber se o ramo em que pretende trilhar renderá bons frutos, pois a escolha errada pode obriga-lo a fechar as portas.  É importante que você, como empreendedor, abrace a ideia e mergulhe fundo em uma pesquisa sobre:

  • O mercado que pretende atuar;
  •  O público que pretende atingir;
  •  A localização espaço é muito importante, pois permitirá com que seu público alvo o veja e saiba onde encontrar o que precisa;
  •  Tipos de produtos que pretende revender ( neste caso são computadores de mesa, notebooks e outros aparelhos que compõe a informatica) e como irá conseguir, já que precisará de um revendedor direto;
  •  Quanto vai gastar para que consiga tudo, ou seja, terá de realizar um plano de gastos e despesas, sendo elas fixas ou não. 
Cuidado com a documentção.

Abra o seu próprio negócio.
(Foto Reprodução)

Tendo estes princípios e sabendo que o negócio será viável, agora é hora de iniciar os tramites legais, ou seja, a documentação para a prestação do mesmo. O empreendedor deverá contar com o auxílio de um contador para que ele possa redigir o requerimento de abertura da empresa e pegar a assinatura do proprietário, ir à junta comercial e constituir uma firma individual de natureza jurídica denominada Empresário Individual. Feito o empresário terá que declarar o capital que possui para investir em seu negócio e também especificar todos os serviços que será prestado. É preciso estar apresentar tais documentos:

  •  Cópias autenticadas dos seus documentos pessoais,
  • Comprovante de endereço do empresário e do local onde funcionará a firma. 

Em seguida terá de preencher o requerimento do empresário, assinar, reconhecer firma em cartório ( a pessoa deverá assinar na presença do escrivão) e por fim dar entrada no processo em meio a junta comercial do estado, para constituir a empresa. É preciso também registrar a empresa à Receita Federal, para poder fazer o pedido do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica).

Observação: Não se esqueça de deixar claro ao contador o objetivo da empresa, desta maneira nenhuma documentação terá que ser feito novamente.

Antes da empresa começar a funcionar o proprietário terá que obter o alvará de funcionamento, para obter o documento deverá se dirigir à Prefeitura, na parte do Corpo de Bombeiros e requerer o certificado. Estando preenchido deve entregar uma cópia do CNPJ e outra do Contrato Social, para que se possa agendar uma vistoria do local onde a empresa irá funcionar. Feita a vistoria pelos órgãos e emitido o alvará de funcionamento, bandeira verde, pode abrir o comércio.

Passado por todas as etapas descritas acima, o empresário ainda deverá realizar o cadastramento na previdência social no prazo de até 30 dias, mesmo que não haja nenhum funcionário ou sócio. Para finalizar de vez e iniciar de forma legal o negócio, é importante que compareça na Secretária da Fazenda na cidade mesmo e solicitar a autorização para impressão das notas e livros fiscais, para que fique sempre em dia com a justiça.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?