Brasil Blogado » Doenças » Como tratar sinusite alérgica

Como tratar sinusite alérgica

Saiba neste artigo o que é a sinusite alérgica, o que a causa, quais são os seus sintomas e principalmente, como trata-lá. Outras informações sobre o assunto você acompanha no decorrer do desta interessante matéria.

     

A sinusite é uma inflamação na região do crânio formada por cavidades ósseas ao redor do nariz, maçãs do rosto e olhos.  Trata-se de uma doença secundária a uma infecção, quadro alérgico ou qualquer fator que atrapalhe a drenagem de secreção. Por isso deve ser tratada com atenção.

Causas

A sinusite alérgica pode ser causada por agentes infecciosos como bactérias, fungos, vírus e outros fatores que podem desencadear a rinopatia alérgica, que acontece devido a exposição a determinados agentes químicos e alterações na anatomia nasal ou dos seios da face. Veja os tipos de sinusites:

. Aguda –   É quando os sintomas estão presentes em um período inferior a 12 semanas.

. Crônica –  É quando o inchaço e a inflamação dos seios nasais estão presentes por mais de 12 semanas.

Sintomas

. Secreção nasal;

. Dor de cabeça;

. Dor nos olhos e na face;

. Dificuldade em respirar;

.  Febre;

Não fique em locais fechados.

Sinusite alérgica 
(Foto:Divulgação)

Tipos de Tratamento

A sinusite alérgica não tem cura, mas pode ser controlada.

O tratamento para sinusite alérgica pode ser ministrado através do uso de antialérgicos. Mas àqueles que não podem e não querem tomar nenhum tipo de medicação, o médico indicará que o paciente consuma bastante líquido, principalmente água, pois ela ajuda as secreções ficarem mais fáceis de serem eliminadas. E aliando a água, você também pode ingerir sucos ricos em vitamina C, como a laranja e acerola ( lembrando que ambos devem ser naturais).

Observação

* Não ficar em locais fechados que contenha ar-condicionado, pois ele facilita a infecção através de fungos, vírus e bactérias;

*  Trocar as fronhas e lençóis de sua cama regularmente ( 1 semana);

*  Lavar o cobertor e edredom ao menos uma vez na semana;

*  Evitar locais onde há acumulo de poeira e pelos;

* Não ter cortinas ou carpetes nos locais onde for passar a maior parte do tempo;

* Se possível, evitar travesseiros e  ursos de pelúcia;

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?