Brasil Blogado » Saúde » Garganta inflamada com pus e sangue

Garganta inflamada com pus e sangue

As dores de garganta são muito incômodas, mas o que elas indicam quando vem acompanhadas de pus e sangue? Esclareça essa e outras dúvidas neste artigo.

     

A dor é um sintoma que o corpo demonstra quando algo não está indo bem no organismo. Quando esse desconforto se manifesta na garganta, costuma representar uma possível faringite ou amigdalite,causando infecções que variam de grau de acordo com a intensidade da proliferação dos micro-organismos no local.

Os principais causadores dessas alterações são os vírus e as bactérias, mas a dor de garganta também pode ser provocada por gripes, pela mononucleose infecciosa e vários outros tipos de doenças. Essa enfermidade se manifesta em todas as idades, porém, tem como seu público alvo, os jovens.

Quando essa inflamação acontece com a presença de pus e sangue, é sinal de uma infecção causada por estreptococos. Nesse processo, as amígdalas incham muito, deixando as placas da garganta ainda mais inflamadas e sensíveis que em qualquer outra categoria dessa doença, fazendo  com que o indivíduo tenha febres elevadas, mau hálito e se sinta muito cansado.

Dor de garganta: causas, sintomas, diagnóstico, tratamento e complicações possíveis.

A presença de pus e sangue na garganta é sinal de uma infecção causada por estreptococos. (foto: divulgação)

Diagnóstico

Para saber qual o estágio da infecção e as suas razões, o médico irá observar a garganta do paciente e coletar um pouco da secreção para a realização de exames.

Tratamento

Para conter os sintomas dessa inflamação, alguns tipos de medicamentos são receitados pelos médicos, podendo eles ser injetáveis ou consumidos via oral. Chá caseiro, repouso, evitar conversar muito e ficar no sereno também é indicado para que a infecção seja reduzida até a eliminação do micro-organismo.

Complicações possíveis

Quando a enfermidade é constatada muito tarde ou o seu tratamento não é realizado corretamente, várias complicações podem vir a acometer o indivíduo, como uma infecção secundária do ouvido médio ou seios, uma erupção cutânea generalizada, abcesso da garganta e até uma glomerulonefrite.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?