Brasil Blogado » Variados » País com a maior taxa anual de juros do mundo

País com a maior taxa anual de juros do mundo

Saiba, através deste artigo, qual o país que possui a maior taxa de juros anual do mundo e quais os motivos da taxa de juros ser tão alta em comparação a outros países.

     

O ano nem acabou e os estudos já apontam que o Brasil é o país onde há a maior taxa de juros reais do mundo. Isso aconteceu devido o Banco Central ter subido a taxa básica de juros (Selic) de 10,5%  para 10,75% ao ano, fazendo com que os reais fossem descontados nos próximos 12 meses da inflação.  E se fizer a conta, percebe-se que os juros básicos no país vão ficar em uma média de 1,18%, o que não é nada bom.

Milhares de trabalhadores passam por dificuldades todos os dias devido a taxa de juros tanto mensal quanto anual. E tal ação é um descaso com a população, pois o que adianta pagar diversos impostos todos os meses, se a taxa de juros que comanda as precisões esta lá no alto? Consumindo tudo aquilo que é de direito.

E alta só acontece, devido a inflação.

O país que possui a maior taxa de juros anual é o Brasil.
(Foto Divulgação) Fonte:http://pinheiroadvogados.org/2013/05/09/taxa-de-juros-vs-inflacao/

 Em segundo lugar encontra-se a  China, que possui a taxa real de 3,41% até o momento. Em terceiro a Turquia, com 3,09% e  vem seguida pela Índia (2,86%) e logo após a Hungria com cerca de (1,28%). Já na outra ponta da  tabela, encontra-se a Venezuela, que possui a menor taxa real de juros do mundo, o país se encontra em uma estabilidade de -30,17% ao ano.

No entanto, se for colocado como juros nominal, que não desconta a inflação, a Venezuela vai aparecer em segundo lugar, contendo cerca de 15,36%, ficando atrás da Argentina que vai possui 19,67% e logo em seguida, o Brasil. Tal ranking é elaborado, tendo em média a economia de 40 países.

Enfim, devido a alta da taxa, o país tem que encontrar um meio de conter a inflação para que o mercado interno não seja prejudicado e neste momento o governo começa adotar medidas preventivas, acaba deixando aquilo que era para ser mais barato, mais caro, como o transporte público ou a cesta básica, por exemplo, que podem ter tido a taxa reduzida mas que no momento de realizar a compra, o valor doí mais no bolso do consumidor.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?