Brasil Blogado » Animais » Peixe voador

Peixe voador

O peixe-voador é uma espécie que atrai muita curiosidade, justamente porque tem a capacidade de pular de dentro da água e num salto voar no ar, por causa da estrutura corporal.

     

Um dos animais mais interessantes no mundo aquático é o peixe-voador, um espécie que atrai muita curiosidade, justamente porque tem a capacidade de pular de dentro da água e num salto voar no ar. Esse feito somente é possível por causa da estrutura corporal do peixe, que constituído de um corpo afilado, semelhante a espécie do peixe arenque,mas que possui grandes barbatanas na região peitoral.

peixe

Peixe voador

Através desses barbatanas, o peixe-voador consegue saltar por sobre as águas. No entanto, quando o mesmo está nadando, as barbatanas ficam dobradas e ele somente utiliza a sua usada. O peixe voador costuma habitar a água salgada, quente e temperada, por isso é comum encontrá-lo em todos os oceanos, apesar de sua reprodução ser interna.

A espécies de peixe-voador vivem em cardumes, diferentemente de espécies de peixes tropicais de água doce que batem suas as barbatanas, o peixe-voador dos oceanos consegue planar. Chega a nadar em uma velocidade aproximada de 29 km/hora, assim o peixe pode sair da água colocando metade de seu corpo para fora, abre as barbatanas e rebate a água com a cauda de forma bem rápida

Em cerca de segundos, o peixe alcança a velocidade de decolagem, entre 48 e 88 km/ hora. Logo se inicia a aplanação que em média dura dez segundos, se estendendo de 1 a 400 metros. O principal problema durante esse voo é o risco de ser raptado por alguma ave marinha, o que comumente acontece.

peixe

Peixe da família de exocoetidae.

O peixe- voador faz parte da superclasse pisces, classe osteichthyes da família de exocoetidaeSuas características físicas determinam o comprimento de 18 a 25 cm, sendo que as suas barbatanas peitorais podem se estender entre 13 a 18 cm, já sua bexiga natatória é mantida fechada.

Curiosidade: Há registro de que um peixe-voador pode planar no ar durante 45 segundos, esse foi considerado o fato em que se teve o voo mais longo já gravado de uma espécie marinha.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?