Brasil Blogado » Mulher » Quero sim

Quero sim

A música “Quero sim” faz parte do álbum Pássaro de Fogo, recorde de vendas da cantora Paula Fernandes, com uma das canções mais tocados em todo o Brasil. Confira no artigo a letre e vídeo da música.

     

Paula Fernandes é uma cantora mineira que iniciou sua carreira quando ainda era uma criança, com apenas 10 anos de idade já fazia apresentações em sua cidade natal Sete Lagoas, no estado de Minas Gerais. Tempos depois os seus pais decidiram se mudar para São Paulo onde Paula obteve outras oportunidades de se tornar uma cantora profissional.

cantora

Paula Fernandes

Sua carreira como cantora se expandiu através do contrato que fizera com uma companhia de rodeios, com a qual trabalhou aproximadamente cinco anos, com quem chegou a viajar por diferentes regiões do Brasil. Com o seu talento evidente foi encontrada por produtores musicais muito importantes como Jaime Monjardim com que teve a oportunidade de gravar várias trilhas de novelas.

O sucesso de Paula Fernandes se tornava ainda maior, se apresentava em shows, programas de TV e rádio. Cada vez mais as suas músicas eram solicitadas. Desde o primeiro CD gravado, até os dias atuais, a cantora e compositora, já vendeu cerca de mais de 1 milhão e 700 mil cópias, número esse que representa o talento e a imensa qualidade que possui essa célebre mineira.

cantora

Paula Fernandes

O último CD lançado pela cantora possui o título “Meus Encantos”, disponibilizado no mês de maio de 2012. Este é o 6º CD profissional de sua carreira, que ainda conta com a participação especial do cantor Zé Ramalho, somente uma semana, pode distribuir mais de 250 mil cópias.

Em 2009 outro álbum de Paula Fernandes também foi recorde de vendas, sendo um dos mais tocados em todo o Brasil, é o CD Pássaro de Fogo, produzido e gravado pela Universal Music Brasil. Dentre as 16 canções desse álbum está a música “Quero sim”, a faixa de número 11 que traz uma letra que fala da saudade de um amor. Confira a letra n a íntegra:

Quero Sim

Às vezes sou fada
Às vezes faísca
Tô ligada na tomada
Numa noite mal dormida

Eu tô com saudades
Da nossa amizade
Do tempo em que a gente
Amava se ver
Eu não sou palavra
Eu não sou poema
Sou humana pequena
A se arrepender

Às vezes sou dia
Às vezes sou nada
Hoje lágrima caída
Choro pela madrugada
Às vezes sou fada
Às vezes faísca
Tô ligada na tomada
Numa noite mal dormida

Se o teu amor for frágil e não resistir
E essa mágoa então ficar eternamente aqui
Estou de volta a imensidão de um mar
Que é feito de silêncio
Se os teus olhos não refletem mais o nosso amor
E a saudade me seguir pra sempre aonde eu for
Fica claro que tentei lutar por esse sentimento

Diga sim ouça o som
Prove o sabor que tem o meu amor
Cola em mim a tua cor
Eu te quero sim senhor
Diga sim.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?