Brasil Blogado » Saúde » Tomossíntese digital da mama: dicas e média de preço

Tomossíntese digital da mama: dicas e média de preço

Esclareça suas dúvidas sobre a Tomossíntese Mamária, exame que vem ajudando muitas mulheres a prevenir e tratar o câncer de mama. Acompanhe!

     

O câncer de mama é considerado, atualmente, como um dos tumores malignos que mais afetam as mulheres no mundo segundo  Organização Mundial de Saúde (OMS). Ele se desenvolve devido as alterações genéticas em algum conjunto de células da região, que passam a se dividir de maneira descontrolada.

Relatórios científicos revelam que os casos aumentam ainda mais devido aos diversos tipos de cânceres mamários existentes. Estima-se que para cada 100 mulheres com câncer de mama, apenas 1 homem terá a doença.

Devido a esses dados alarmantes, várias pesquisas vem sendo realizadas para a produção de exames que consigam diagnosticar mais minuciosamente o quadro dos enfermos para a efetivação de um melhor tratamento. Um dos testes atuais, que já vem sendo implantados em clínicas e hospitais é a Tomossíntese Mamária Digital.

Tomossíntese Mamária Digital

Representação de uma mulher com câncer de mama.
(Foto: Divulgação)

A tomossíntese digital da mama é caracterizada como uma aplicação avançada que permite uma avaliação tridimensional da mama, onde o seu equipamento consegue obter múltiplas finas imagens da o local cancerígeno, que são observadas detalhadamente em uma estação de trabalho com monitores de alta resolução.

Esse exame é realizado com a mama comprida, da mesma maneira da mamografia. Se trata de um procedimento indolor e de curta duração. Mesmo seus métodos sendo avançados, indica-se que os métodos de diagnósticos considerados convencionais também sejam realizados, para que essa conjuntura possibilite um melhor rastreamento do câncer nas mamas.

Médicos afirmam que a tomossíntese vem se fazendo como um importante aliado em relação a esses quadros tumorais malignos, pois consegue reduzir ou até mesmo extinguir os efeitos da sobreposição do tecido mamário denso, na detecção do câncer e na resolução de exames falso-positivos. Com isso, as chances aumentam para a detecção de cânceres ocultos, além de diminuir as reconvocações do paciente para a realização de novos testes.

O preço desse exame ainda não foi estabelecido no mercado, mas estima-se que ele custe entre R$ 500,00 à R$1.000,00 reais. Alguns convênios já proporcionam a realização da tomossíntese.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?