Brasil Blogado » Estudos » Extinção das tartarugas marinhas

Extinção das tartarugas marinhas

Extinção das tartarugas marinhas, as espécies estão em extinção devido ao crescimento da caça e da poluição das águas.

     

 

As tartarugas marinhas são animais bem antigos, antes possuíam como seu habitat natural a terra, mas devido à grandes mudanças que foram ocorrendo no ambiente as tartarugas foram viver nas águas, e como consequência foram surgindo espécies de tartarugas com nadadeiras.

Até hoje são reconhecidas sete espécies de tartarugas marinhas, sendo que algumas delas são encontradas no Brasil, os machos permanecem dentro das águas e as fêmeas em sua época de desova vão para a terra para que o efeito do sol possa chocar seus ovos. As espécies estão em extinção devido ao avanço da caça, e os impactos causados pela poluição das águas. Muitos projetos são lançados para informar as pessoas da preservação do meio ambiente e destas espécies.

Tartarugas marinhas e seus nomes científicos:

-Tartaruga Cabeçuda; Caretta caretta

-Tartaruga de Pente; Eretmochelys imbricata

-Tartaruga Verde; Chelonia mydas

-Tartaruga Oliva; Lepidochelys olivacea

-Tartaruga Gigante; Dermochelys coriacea

-Tartaruga flatback; Natator depressus

-Tartaruga lora; Lepidochelys kempii

As tartarugas marinhas possuem o hábito de ficarem sozinhas dentro da água, dificultando que estudiosos possam estudá-las, interagem com outras somente nas épocas de reprodução. Quando os ovos ficam em temperaturas mais altas crescem a incidência de nascer fêmeas, já em temperaturas baixas nascem machos.

A caça de qualquer animal em extinção é proibida e caso seja pego poderá responder judicialmente por este ato.

Você pode gostar desses:

Artigos relacionados:


Quer comentar ?